Pesquisa definirá nome do MDB para disputa da Capital

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on print

“Certeza é de candidatura própria”, diz Puccinelli

EDUARDO PENEDO

Pelo menos cinco nomes estão sendo avaliados para ser o candidato a prefeito pelo Movimento Democrático Brasileiro (MDB) nas eleições do ano que vem. Os nomes que estão sendo citados são do ex-senador Waldemir Moka, deputado estadual Márcio Fernandes, ex-deputado estadual Junior Mochi, ex-secretária estadual de Assistência Social Tânia Garib.

“Estamos fazendo pesquisa com vários nomes, mas a única certeza que temos é que o MDB vai ter candidato a prefeito de Campo Grande. Só para esclarecer eu não sou candidato. Eu não pretendo ser candidato a prefeito da nossa querida capital que muito me orgulhou ao me eleger pelos dois mandatos”, explica o ex-governador e atual presidente regional do MDB André Puccinelli.

Questionado sobre a possibilidade dessa pesquisa indicar o seu nome para o embate para a prefeitura de Campo Grande, Puccinelli é brincalhão e diz “eu lá quero saber de eleição municipal. Não tenho pretensão política. Não sou candidato a prefeito”.

Puccinelli explica que as articulações no interior para as eleições do ano que vem estão respeitando a política local e o diretório regional está recebendo as orientações da Nacional. “Nós recebemos orientação do diretório Nacional se pudermos deveríamos ter candidatura todos os 79 municípios, mas é claro que nenhum partido conseguirá por 79 candidatos em todos os municípios tentaremos colocar no maior número possível”, explica.

Print Friendly, PDF & Email
HIPER