Bolsonaro desconfia de Moro nas investigações de filho, diz colunista

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on print

O presidente Jair Bolsonaro não desconfia só do governador do Rio de Janeiro Wilson Witzel nas investigações de seu filho, o senador Flávio Bolsonaro, pelo Ministério Público do Rio de Janeiro. Segundo o colunista Tales Faria, do UOL, o ministro Sergio Moro também tem gerado desconfiança.

O presidente Jair Bolsonaro teria dito a assessores mais próximos que Moro está “muito esquisito” e que o ministro não tem tido uma “atitude mais firme” sobre a Polícia Federal. Segundo o colunista, o presidente gostaria que Moro atuasse pra paralisar o Ministério Público e suspender as investigações.

O senador é investigado pelo MP por ter montado na época que era deputado estadual um sistema de desvio conhecido como “rachadinha”, no qual os funcionários devolvem ao legislador parte do salário que recebem, seja por atividades reais ou como funcionários “fantasmas”. A defesa de Flávio Bolsonaro nega todas as acusações.

Print Friendly, PDF & Email
HIPER