Para vereadores, paralisação dos caminhoneiros já ‘deu o que tinha que dar’

0
5

Carlão, do PSB, acha que os manifestantes deve dar trégua de dois meses

Celso Bejarano e Rodson Williams

Carlos Augusto Borges, o Carlão, vereador em Campo Grande pelo PSB, criticou a permanência da paralisação dos caminhoneiros, na sessão desta terça-feira (29). Os caminhoneiros bloqueiam rodovias pelo país há oito dias.

“Já deu o que tinha que dar”, disse o vereador, que completou sua interpretação ao dizer que tanto o governo federal quanto o estadual já se mostraram interessados em atender a categoria.

“Esses protestos dos caminhoneiros já tinham sido organizados muito antes, agora eles deviam dar uma trégua de 60 dias e ver se as promessas dos governos serão cumpridas. Do contrário, retomam os movimentos”, opinou o vereador. O governo anunciou queda no valor do litro do diesel.

Airton Araújo, vereador do PT, disse que “tem muita gente tirando vantagem” com o movimento grevista e que o país tornou-se o “país da especulação”. Aqui em Campo Grande, alguns donos de postos foram levados para a delegacia de Polícia por fixar preços bem acima do pago pelo litro da gasolina.

Valdir Gomes, vereador do PP, disse que como parlamentar está com vergonha de sair na rua diante das “denúncias de corrupção”.
“A gente vê muitas malas de dinheiro pela televisão e nada acontece”, afirmou Gomes numa crítica aos políticos rotulados de corruptos e sem punições.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here