‘Vamos virar nos próximos dias’, diz Odilon após pesquisa DATAmax

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on print

Candidato na disputa do segundo turno pelo Governo do Estado, Odilon de Oliveira (PDT) falou nesta quarta-feira (17) sobre a nova pesquisa DATAmax, em que ele aparece com 47,2% contra 52,8% de Reinaldo Azambuja (PSDB). O candidato afirmou que acredita em uma virada até o dia 28 de outubro.

“Nossa candidatura veio numa crescente no primeiro turno e já tínhamos certo disputar o segundo turno antes mesmo do resultado. Como eu já esperava, enfim uma pesquisa mostra o que tenho sentido nas ruas no corpo a corpo com os eleitores. Vamos virar nos próximos dias e as ruas querem isso”, disse Odilon.

O candidato também analisou os resultados vinculando a intenção de voto a ele com a desaprovação do atual governo.

“Os números do Datamax mostram que os eleitores não aprovam o atual governo. Nossos apoiadores voluntários estão ainda mais confiantes em nossa vitória”, completou o candidato.

Pesquisa

O levantamento tem margem de erro de 3 pontos percentuais para mais ou para menos. Assim, considerando a oscilação da margem, Reinaldo varia entre 55,8% e 49,8% dos votos válidos, enquanto Odilon pode ter entre 50,2% e 44,2%.

Para calcular as intenções de votos válidos, são desconsiderados da amostra os votos em branco, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para calcular o resultado oficial da eleição.

Com 1.036 entrevistas realizadas em 32 municípios de Mato Grosso do Sul, o levantamento atinge índice de confiança de 95%, além da margem de erro de 3 pontos percentuais para mais ou menos.

Os dados foram obtidos por meio da aplicação de questionário estruturado em entrevistas pessoais, junto a uma amostra representativa do conjunto do eleitorado sul-mato-grossense, estratificado em cotas de sexo, idade e escolaridade, determinadas pelos dados do Censo 2010, PNAD 2015, TSE 2018 e ABEP 2015/2016.

Os números de registro no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) e TSE (Tribunal Superior Eleitoral) são MS-03656/2018, para Governo do Estado, e BR-01950/2018, para Presidente da República, em cumprimento ao que dispõe o art. 33º e seus §§ 1º e 2º da Lei nº 9.504/97, assim como o art. 8º da Resolução TSE nº 23.549/2017.

Print Friendly, PDF & Email
HIPER