Ué?! Manifesto reúne 5 mil pessoas no auge, mas organização garante que foram 30 mil

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on print

PM diz que 1,5 mil pessoas estiveram na Afonso Pena; Guarda Municipal fala em 2,5 mil

Thiago de Souza e Amanda Amaral

Protesto em favor das medidas do governo Jair Bolsonaro, terminou por volta das 17h30, na avenida Afonso Pena, neste domingo (26), em Campo Grande. A dúvida era quando ao público participante, que segundo a PM eram 1,5 mil, mas para os organizadores 30 mil.

Os números são confusos, mas nada bate o otimismo dos organizadores. Levantamento nacional falou de 5 mil na Capital, enquanto PM fala em 1,5 mil e Guarda Municipal em 2,5 mil.

Desde às 14h30, manifestantes tomaram a pista da Afonso Pena sentido Parque dos Poderes. Uma das vias foi fechada pelos apoiadores do governo.

A maioria do público se vestiu de verde e amarelo para dar apoio à reforma da Previdência, do pacote anticrime de Sérgio Moro e alguns contra a suposta parcialidade de ministros do Supremo Tribunal Federal.

O ato foi semelhante ao de várias cidades do país, com cartazes e faixas em apoio ao governo. No local, manifestantes, entre eles caminhoneiros e produtores rurais, tiravam fotos com bonecos de papelão em tamanho real dos ministros Sérgio Moro, Bolsonaro e Paulo Guedes.

Protesto só reuniu 1.500 na Afonso Pena, afirma a PM. (Foto: Wesley Ortiz)

Pelo menos quatro políticos apoiadores do Bolsonaro estavam no evento. Vinícius Siqueira (DEM); a senadora Soraya Thronicke (PSL); Tio Trutis e Capitão Contar, do mesmo partido.

Dúvida

A contagem do público participante é que chamou a atenção. Para a Guarda Municipal, havia duas mil pessoas. Já a Polícia Militar falou em 1.500 participantes.

No entanto, a organização contou cerca de 30 mil pessoas na avenida. A expectativa durante a semana era de reunir três mil apoiadores.

Concentrados em frente ao MPF, o grupo saiu em passeata e carreata até um posto de combustível em frente ao Shopping Campo Grande. Além das palavras de ordem, cantaram o hino nacional e rezaram um Pai Nosso.

Print Friendly, PDF & Email
posto
HIPER