Kassab derruba todos os presidentes municipais do PSD no Estado

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on print

Com a decisão, senador Nelsinho Trad assumiu o comando regional

O presidente nacional do PSD, ex-ministro Gilberto Kassab, destituiu todos os presidentes dos diretórios municipais em Mato Grosso do Sul. Com isso, o senador Nelsinho Trad assumiu o comando regional com a queda de Antonio Lacerda sem gastar tinta da caneta para trocar os dirigentes do partido em todos os 79 municípios. A ordem de Kassab a Nelsinho é reoganizar o partido até 25 de junho com a realização de convenções para eleição dos novos presidentes. Hoje, o PSD é comandado por comissões provisórias. Mas o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mandou eleger diretórios definitivos – ou seja com mandatos.

Com diretórios definitivos, o presidente regional não poderá destituir os dirigentes com uma canetada. Para afastamento dos integrantes dos diretórios, eleitos pelos convencionais, será necessário abertura de processo de intervenção. Já nas comissões provisórias, a troca pode ser a qualquer momento e sem necessidade de processo.

O desafio de Nelsinho é o curto tempo para montar o partido em todo Mato Grosso do Sul. Por isso, decidiu dividir o Estado em três regiões com o deputado estadual Londres Machado, deputado federal Fábio Trad e ao próprio Nelsinho. Enquanto os irmãos terão a missão de reestruturar o PSD em 26 municípios respectivamente, Londres ficou com 27.

*Adilson Trindade e Yarima Mecchi.

Print Friendly, PDF & Email
HIPER