Azambuja deve entrar em ação para evitar racha no PSDB

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on print

Governador deve buscar o consenso entre os candidatos a presidente Beto Pereira e Rose Modesto

O governador Reinaldo Azambuja poderá ser acionado a intervir na disputa pela presidência regional do PSDB para evitar racha. Como a “briga esquentou”, acendeu o sinal amarelo no partido. Essa é a preocupação de alguns líderes tucanos que defendem o entendimento dos candidatos para evitar o enfrentamento e, consequentemente, poupar de abalos os pilares da unidade do partido.

Os deputados ouviram, também, do governador a sua defesa pelo consenso mesmo reconhecendo ser democrático e saudável o confronto de dois ou mais candidatos. Mas a preocupação, reiteraram os parlamentares, é com os efeitos colaterais dessa disputa na unidade partidária.

O deputado federal Beto Pereira concorre à reeleição sem dar sinais de abrir mão de sua candidatura. Mas não esperava enfrentar a deputada federal Rose Modesto. Ela entrou na disputa empurrada por um grupo do “ninho tucano” que defende a troca do comando.

*Adilson Trindade e Izabela Jornada.

Print Friendly, PDF & Email
HIPER