Apadrinhado político de Mandetta vira chefe do Incra em MS

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on print

Antônio de Castro Vieira já tinha comandado Ibama no Estado

Celso Bejarano, de Brasília

Publicação do Diário Oficial da União desta terça-feira (6) anunciou a nomeação do ex-chefe do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) em Mato Grosso do Sul, Antônio de Castro Vieira, para comandar a superintendência regional do Incra (Instituto Nacional de Colonização Agrária de MS).

Quem o nominou para o cargo foi o ministro de Estado Chefe da Casa Civil da Presidência da República, Onyx Dornelles Lorenzoni.

Vieira é afiliado político do ministro da Saúde, o campo-grandense Luiz Henrique Mandetta.

O agora chefe do Incra em MS comandou o escritório regional do Ibama até agosto de 2017. À época, ele perdeu o cargo por represália política. Seu padrinho político, então deputado federal, havia votado, na Câmara dos Deputados, a favor da investigação de uma denúncia contra o então presidente da República, Michel Temer (MDB).

A missão de Vieira não é uma das mais fáceis, pois o instituto não cria assentamentos em MS desde 2013 e, pela estratégia do governo Jair Bolsonaro (PSL), não há nem sequer projetos prontos com essa intenção.

Print Friendly, PDF & Email
HIPER