Exportação de carne bovina aumentou 57,5% no Estado

0
80

Vendas surpreendem setor mesmo com Operação Carne Fraca

DA REDAÇÃO

Mato Grosso do Sul fechou o mês de março com crescimento de 57,52% na receita de exportações de carne bovina desossada e congelada em relação ao mês anterior, de acordo com números do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), divulgados na última semana.

O montante do produto comercializado para o exterior no terceiro mês deste ano somou US$ 37,254 milhões, frente aos US$ 23,649 milhões vendidos em fevereiro. Também houve incremento no volume exportado, de 59,54%, avançando de 5,971 mil toneladas para 9,526 mil toneladas.

Os resultados de vendas e volume comercializado de carne, quarto principal produto da pauta de exportações sul-mato-grossense no último mês (a participação da carne bovina congelada é de 6,86%), coincidem com o período em que o país atravessou os reflexos da Operação Carne Fraca.

A ação da Polícia Federal resultou no fechamento de frigoríficos e na suspensão das exportações da carne brasileira para alguns países, com reflexos indiretos para o mercado estadual.

Quando consideradas as carnes desossadas de bovino frescas ou refrigeradas, produto que ocupou a sexta posição na pauta de exportações do Estado em março, com 2,13% de participação, o Estado também fechou com resultados estáveis na passagem de fevereiro para março: o valor exportado alcançou US$ 11,850 milhões, crescimento de 0,14% em relação a fevereiro (US$ 11,597 milhões), enquanto o volume avançou 1,9%, de 2,211 mil toneladas para 2,253 mil toneladas.

DEIXE UMA RESPOSTA